Vigéssimo primeiro (21) capitulo – Uma Historia de vida – Same Heart feat. One Direction

POV Gabrielly

Eu acordei devagar, eu estava abraçando de lado o Zayn, eu o cutuquei já que ele ainda dormia – Feito Anjo –, ele acordou e olhou pra mim, sorrimos e eu me levantei! Fui ao banheiro e escovei meus dentes e voltei pra cama, me joguei do lado do Zayn de novo.

-Bom Dia Zaz – Disse olhando pra cima.

-Bom Dia Gabs, dormiu bem?- Perguntou com uma voz sonolenta ainda, eu ri e olhei pra ele.

-Sim, e você?- Perguntei.

-Eu dormi bem também, o calor do seu corpo relaxou o meu!- Disse brincalhão, eu dei um tapa nele sorrindo – No ombro ok?-.

-Que bom Zayn vamos daqui a pouco à casa da minha avó ok?- Disse olhando pro relógio, o qual marcava 09h34min, nós íamos 10h00min. – Umas dez horas ta?

-Aham, eu vou tomar banho!- Disse levantando, eu acompanhei seus passos e quando ele entrou no banheiro eu levantei e fui procurar uma roupa! Achei uma bonitinha e fiquei esperando o Zaz sair do banheiro pra eu entrar com ela nas mãos, ele saio só de toalha, eu corri e entrei! Tomei banho rápido porque já eram 09:45 eu precisava ser mais rápida que The Flash. Terminei e coloquei minha roupa, fiz uma make básica do dia-dia e soltei o cabelo que estava preso e dei uma penteada, Pronto! Sair do banheiro e o Zayn já estava pronto, só arrumando o topete, eu ri e fui até ele! O abracei por trás e o apressei:

-Vamos logo Bad, não precisa ficar mais perfeito do que você já é ok? Nenhuma das minhas primas está solteira kk- Tirei com ele, ele riu e virou, nós fomos pra sala rápido! Já estávamos La esperando a minha mãe, que logo desceu sorrindo! Nos cumprimentamos e seguimos pra casa da minha avó paterna! Os meus avós maternos moram em outra cidade. Estava eu e Zayn no banco de trás e minha mãe dirigia.

-Mãe como estam o vovô e a vovó?- Perguntei me referindo aos maternos.

-Estão bem, você sabe NE? Nas condições melhores possíveis!- Disse sorrindo, fomos conversando até chegarmos à casa da vovó. Descemos do carro e logo veio um frio na barriga! EU nunca me dei bem nessa família, minha mãe sempre disse que era porque eu era diferente. As únicas pessoas que eu me dava bem mesmo era meu primo Roberto, Rafael, minhas primas Mainara – May-, Iasnara – Nara- e a Iasmim – Iaia-, elas eram muito legais comigo e eu as não via á um tempo – Mais de 10 anos-. Eu fiquei nervosa e o Zayn percebeu, ele sorriu pra mim e pegou minha mão, eu retribui o sorriso mas soltei a mão, ele me olhou confuso e eu sussurrei no seu ouvido:

-Relaxa minha família não aceita muito namorados! E com certeza meu pai ta ai. – Disse e ele me olhou espantado. Minha mãe ia à frente e nós íamos atrás, porque era tipo um corredor que separava a casa da minha avó da casa da minha tia, era só um quintal pras duas casas. Logo que a figura da minha mãe foi vista por eles – Estava aquele típico de família, tios e tias conversando enquanto os primos mais velhos estavam numa mesa reservada e os mais novos brincavam de pique- sorrira, ela foi cumprimentando todos e eu e Zayn entramos, os olhares se focaram em nós, eu sorri envergonhada! A mamãe falo:

-Olha quem veio nos visitar!- apontou pra mim e minha tia arregalou os olhos, tinha se lembrado de mim.

-Gabrielly?-Perguntou assustada, eu assenti e ela logo se levantou e veio correndo me abraçar, as meninas – Primas, Nara Iaia e May- também, eu cumprimentei todos.

-Tudo bem?- Perguntei pros meus tios.

-Sim claro, mas quanto tempo garota! Desde que virou famosa nem se lembrou mas da família NE?-Perguntou a minha tia mais fresca, eu não ia com a cara dela! Ela só queria que a filha dela fosse famosa, mas ai aconteceu comigo ahaha.

-Se eu não tivesse lembrado, não estaria aqui! – Sorri sínica, ela revirou os olhos- Então cadê tia Madame?- Perguntei.- Tia Madame é uma tia apelidada assim por todos, é estranho eu sei mas é apelido e ficou-.

-Tá cuidando da sua filha!- Disse tia Rozinha me abraçando, sim outro apelido estranho, nossa família é assim toda doida.

-mas que eu saiba ela só tem o Lucas que já é bem grandinho!- Disse e todos riram.

-Minha filha, você ficou um tempo fora, esta na hora de conhecer novas pessoas da sua família!- Disse minha mãe e me guiou pra mesa dos primos, eu puxei Zayn junto. Estava May, Nara, Iaia e um povo que eu não conhecia, deve ser primos novos.

-Oi gente!- Disse sorrindo, May se levantou e me abraçou de novo.

-Oi Gaby, quantas saudades de tu meu!Bom você não deve conhecer mas esse aqui é o Ronam filho da tia Preta- apontou pra um garoto fofo, eu sorri pra ele e ele retribuiu- Essa aqui é o Laio filho do tio Cobado, esse é Eduardo seu irmão-Quando ela disse isso meu mundo desabou, eu tinha um irmão e não sabia? É isso mesmo?Eu nem sorri fui grossa.- Ok, quem mais?- perguntou pra si mesma- aah tem a ..-a interrompi

-May cadê o Robertinho? E o Rafa?- Perguntei.

-Ah o Roberto esta vindo, e o Rafa ta no quarto dele, vai La! É O mesmo- Disse sorrindo, eu acenei pra todos e puxei o Zayn que vivia calado, ô garoto da pra ser menos tímido? Aah é ele não fala português kkk, Eu fui até um antigo quarto e bati na porta, Zayn que estava atrás de mim sorriu nervoso. Rafael abriu a porta e eu pulei em seus braços pra um abraço apertado, ele retribuiu sem entender, mas sim retribuiu. Quando eu o soltei fiquei o encarando.

-O que foi? Quem é você garota? Aah é a famosa daquela banda NE? E esse é o badboy da One Direction?- Perguntou sínico, aff’s.

-rafa qual é? Sou eu Gaby, Gabs a fofura!- Disse sorrindo esperançosa, ele me olhou espantado e me abraçou forte.- Senti tanto a sua falta rapazinho, como você esta?- Perguntei.

-Estou ótimo, daqui a pouco o Roberto chega e nós 3 conversamos mocinha! Temos muitas coisas pra lhe contar.

-E eu pra contar pra vocês, agora vamos La pra fora, você não mudou nada NE? Vive trancado- Disse sorrindo.

-É, quando você foi embora varias coisas mudaram! Precisamos lhe contar MUITAS coisas!- Disse meio triste, eu já fiquei nervosa eiita em? Nós fomos pro quintal e sentamos numa mesa só nossa, ficamos conversando e eu apresentei Zayn pra Rafa e Rafa para Zayn kk.

-Sério me conta logo, to curiosa meu! O que mudou?- Disse em inglês pra todos entederam, sorte que o Rafa falava Inglês.

-Gabs o Roberto já vai chegar e nós te ..- Nem terminou de falar e ouvi um grito, muito familiar pra mim, tipo de serene que só uma pessoa consegue fazer. ROBERTINHO, eu virei rápido e o vi ali tirando graças com todos, eu me levantei e corri pros seus braços, pulei em cima dele, ele me abraçou mesmo sem saber, como o Rafa, respirou fundo e pude sentir que ele já sabia quem era eu, ele me soltou de leve e olhou em meus olhos.

-Gabs?- Perguntou e eu assenti, os olhos dele marejaram e eu sorri, o abracei mais forte possível! Nos separamos longos minutos depois, era muita saudade pra matar. O levei pra mesa e apresentei o Zayn, ficamos conversando até os Dois- Roberto e Rafa- pra um canto que queriam conversar comigo, eu olhei pro Zayn e ele disse tudo bem. EU fui com os meninos pra cozinha da casa da titia.

-Gaby como eu sentir sua falta!-Disse Roberto.

-eu também! Mas e ai? Falam o que aconteceu nesse tempo sem mim?- Perguntei curiosa.

-Ah muita coisa, sabe o tio Junio? Que não tinha filho?- Disse Rafa, eu assenti.- Então ele teve dois filhos, Tia Madame teve outra filha Ana Clara, ela é uma graça parecida com você quando era bebê kk, um Tia Preta teve mas um filho o Ronam- EU já tinha conhecido esse daí- e hum a Sonaria teve um surto e uma parada cardíaca- Meu Deus, essa era a mais velha dos primos, caraca meu- e virou Gay!- #Chocada, IXI ainda bem que eu nem tava por aqui- hum o Roberto virou Gay também e eu tô namorando e a Iaia tá grávida e sim ta namorando, o cara até é legal! Hum e tem também a Micaely que..- O interrompi chocada mais ainda.

-Ta de brincadeira né? Rafa essa família desmoronou! Eu lembro que todos faziam de tudo pra parecer perfeitos, e tinha que demonstrar isso, agora Deus essa família esta acabada! E como ficou a imprensa?- Perguntei surpresa, me deixa explicar: Minha família era do tipo ‘você tem que impressionar pra fazer parte da família, se sair da linha esta expulsa’ sim era cruel ter que esconder sentimentos, intrigas e quase nossa vida toda. Mas isso serviu pra eu aprender a lidar com a mídia e com ‘aquilo’ do meu passado, e ai agora tipo, esta uma confusão meu Deus e um não ajuda o outro, tipo ‘que se lasque’ porque o que importava, pelo menos na minha época era a reputação, – Ainda bem que eu nem estava aqui.

-Isso, desmoronou mesmo, ainda bem que aquele tempo passou! Tipo o vovô não esta mas no poder, agora é o seu pai! Ele tirou das mãos do vovô e agora todos estão contra ele, menos os racionais claro! Ele é um ótimo governante ou bem mais que aquele Grosso do vovô.- Disse o Roberto.

-Mas e ai? Como ficou a situação financeira?- Perguntei.

-Todos ficaram pobre é claro! Agora todos moram aqui- Disse Rafael se referindo a casa da Vovó e da titia.

-Ah, as casas foram vendidas?- Perguntei, eles fizeram cara de é Lógico. Eu ri- Enfim, descobriram que o vovô roubava e ele vai ser preso?

-Na verdade não só ele!- Disse Roberto se lembrando de algo desagradável.

-Quem mais então?

-Todos da família maior de idade por encobrir o ladrão, o dinheiro da cidade toda estava aqui em baixo dessa terra!- Disse Roberto e eles apontaram pro chão.

-Vocês não podem ser presos por aquele homem! O papai também vai?- Pergunte desesperada.

-Não nem a sua mãe!- Disse Rafael.

-Aah, mas eu não vou deixar! Chama a Mainara Iasmim e Iasnara La pra casa, vai vocês 5 daqui a pouco que agora eu vou pra La arrumar minhas coisas com o Zayn!- Disse e fui até o Zayn que mexerá entretido no celular –Vamos pra casa Zayn, preciso preparar umas coisas!- Disse no seu ouvido e ele se levantou. Fui até mamãe e disse pra ela que o Zayn estava querendo ir embora e que eu ia com ele, ela assentiu e agente foi! Chegando em casa, eu subi com o Zayn atrás.

-O que foi Gaby? O que aconteceu?- Perguntou Zayn subindo correndo atrás de mim.

-Nada, só vamos sair daqui o mais rapido possivel ta?- Disse entrando no meu quarto e procurando uma bolsa grande.

-Ok, você pode me explica o porque?- Perguntou sentando na cama, eu achei uma bolsa e sorri, sentei ao seu lado e o encarei.

-Eu posso te explicar em Londres ok?- Disse o abraçando, ele retribuiu. – Agora tenho que achar dinheiro muito rápido, temos que tirar 5 passaportes agora, amanhã cedo partiremos pra Londres.

-Mas não vamos encontrar os meninos?

-Nos encontraremos todos em Londres, agora só precisamos sair daqui!- Disse e fui colocando dinheiro todo na bolsa. Eu terminei e me sentei de novo na cama, tocou a campainha e eu fui correndo atender, eram os 5. Eu deixei passar e eles se sentaram no sofá, o Zayn veio de La de cima e se sentou também, eu sentei ao seu lado e comecei a falar:

-Bom, eu já sei que vocês vão ser presos!- O Zayn fez uma cara de assustado.- mas não posso deixar isso acontecer, vocês não tem culpa de nada e eu sei! Já fiz burradas, sim, mas agora eu vou é ajudar.- Disse  e entreguei a bolsa com o dinheiro pra may, que estava mais perto, ela olhou pra dentro e começou a chorar! Eu só sorri e as meninas a abraçaram e aproveitaram e viram o dinheiro.- vamos tirar os seus passaportes hoje com um suborno é claro, e vamos amanhã cedo pra Londres! Mas é o seguinte, ninguém pode saber que somos parentes ok? tenho uma reputação e vocês sabem. Eu dou estadia dinheiro pra comida, mas creio que queiram trabalhar certo? Então eu vou ver o que consigo!- Disse e eles me abraçaram.

-Obrigada mesmo, você é a melhor! Mas e como ficam nossos pais?- Disse Iasnara apontando pra eles.

-Me Desculpa, vocês decidem: ficar com seus pais e serem presos ou irem sem eles e serem felizes, porque tenho certeza que não querem ficar- Disse sorrindo de canto.

-Ok, nós vamos. Agora vamos pra casa arrumar as malas e vamos dormir aqui!- Disse Rafa se levantando e todos fizeram o mesmo, eu sorri e os levei até a porta. Eu e Zayn subimos e eu liguei pra agencia de viajem e resolvi tudo, fiz meus contatos e arrumei os passaportes, vistos não eram necessários! Tudo isso me cansou, eu deitei e Zayn deitou ao meu lado, eu o abracei e comecei a chorar, ele se assustou mas nem perguntou nada, só ficou fazendo carinho nos meus cabelos. Eu me controlei e parei de chorar!

-Quer falar sobre isso?- Perguntou calmamente Zayn.

-Sim Bad, se não se importar.

-Claro, me conte princesa!- Disse me virando para olha-lo, eu sorri.

-Ok. vou começar do inicio: Eu nasci em berço de ouro digamos, meus pais eram perfeitos no início, me levavam pra passear, passavam a tarde toda comigo me ajudando a estudar e talz, mas tudo mudou quando minha mãe pegou meu pai na cama com uma vadia qualquer, eles se separaram e tudo mudou, meu pai saio de casa e só as vezes me ligava pra saber de mim ou dar boa noite ou bom dia como sempre fizera, minha mãe vivia trabalhando! Ela nem olhava na minha cara pra dizer um Eu Te Amo ou Boa Noite Minha Filha Durma Com Deus, era sempre desprezível .Mas um dia eu descobrir, ela trabalhava na Máfia e já sabia que iria me abandonar, por isso se afastou pra não ser mais difícil pra todos a sua partida. Meu pai se envolveu com política e roubava dinheiro da sociedade, eu sempre fui contra isso. Tudo estava normal num dia, digo no normal depois da separação, ai chegou uns caras e bateram na minha mãe, a levaram pra  algum lugar desconhecido por mim! Ai meu pai desapareceu de vez, tive que me virar sozinha , minhas amigas me apoiaram só que ainda tinha minha vida, eu precisava de um emprego e sobreviver na vida, me mudei pra Londres com elas e arrumei o emprego de Assassina de  Aluguel, eu tinha ainda muito o que aprender e a Betina me ensinou tudo que hoje eu sei. Um dia minha mãe me ligou desesperada perguntando onde eu estava e se estava bem, eu respondi tudo! Eu voltei pro Brasil só pra vê-la, e eu me alojei nesse quarto Rs, um dia qualquer ela me mandou voltar imediatamente pra Londres com as meninas, PA eu voltei sem saber de nada, até hoje eu não sei e prefiro não tocar no assunto, ai que teve o seu trabalho com os meninos que eu fracassei, eu voltei pro Brasil mas fiquei em outra cidade com medo de voltar pra Ca! Voltei pra Londres e tudo ficou maravilhosamente perfeito. Eu encontrei meu sonho e um amor da vida! Mas ninguém sabe como eu me sinto, eu queria minha vida antes do meu pai trair a minha mãe, eu queria aquela vida perfeita de novo! Eu não queria matar ninguém meu, é tão difícil pra mim agora ser ameaçada. Só queria voltar no tempo e impedir minha mãe ver aquilo mesmo que pra isso eu tenha que desistir de tudo! Sei La, me sentia tão sozinha alem das meninas. Agora tudo mudou radicalmente, você não sabe o que aconteceu nessa família nesses tempos, digo eu a pouco tempo atrás também não sabia!- Disse já chorando de novo, ele lagrimou com algumas partes e eu sempre limpava. Eu chorei mais forte e ele também, nos abraçamos mais forte. Ficamos assim por um tempo até ele começar a falar:

-Eu sinto muito Gaby, eu sei que as pessoas falam isso o tempo todo mas eu realmente sinto, é tão triste ver isso! Querer voltar ao passado e não poder, eu digo isso porque também me sinto assim. Deixa eu te contar uma historia: Era uma vez um garoto chamado Zain Javadd Malik(N/A: Não me matem se estiver errado ou me chamem de poser mas é muito confuso ta? É tanto nome que eu não sei qual é de verdade: Javvad, Javaad, Jawaad, Jawadd, Javadd) que tinha uma família turbulenta, seu pai já não estava em casa e só era a mãe para cuidar de 4 filhos, era difícil mas não impossível! O garoto passou por dificuldades por uma pessoa que ele nem conhecia- Me Cutucou e eu ri- Mas ele conseguiu realizar seu sonho e ainda ganhar mais 4 irmãos de coração.- Disse e sorriu.

-Nossa que bela historia! Já pensou em escrever?- Disse Debochada, ele riu.- Enfim obrigado Zayn. Não sinta!- Disse e dei um beijo no seu rosto (N/A: Bochecha pelo amor de deus, ele é meu BF na historia kkk sem perversidade) Me levantei e ele também, começamos a arrumar as malas, eu terminei primeiro e a Mamãe chegou, eu fui até ela e expliquei a situação, ela chorou mas concordou! Eu voltei pro quarto e me deitei, quando ia fechando os olhos a campainha toda, eu falei uns palavrões e o Zayn me repreendeu, eu sorri e fui até a sala, eu abri a porta e La estava os mais novos moradores de Londres, Eu sorri e eles entraram, eu os encaminhei pro meu quarto e deixamos as malas todas juntas! Conversamos até todos dormissem, no chão mesmo, eu ri e acordei o Zayn de leve, o levei pra cama e deitei ao seu lado, antes botei o celular pra despertar.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Vigéssimo primeiro (21) capitulo – Uma Historia de vida – Same Heart feat. One Direction

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s